Definição Muscular: 5 dicas para aprimorar o seu treino

10/12/2019 / Uncategorized
Definição Muscular: 5 dicas para aprimorar o seu treino

definição muscular é sem dúvida alguma um dos principais objetivos das pessoas que frequentam academias diariamente e/ou praticam exercícios físicos regulares. Conheça agora cinco dicas para aprimorar o seu treino e conquistar aquele corpão que você sempre sonhou!

Exercícios aeróbicos e a definição muscular
Sem essa desculpinha de “hoje vou pular o aeróbico, só vou treinar musculação”. Você parou para pensar que toda vez que você cai nessa tentação seus objetivos de conquistar a tão sonhada definição muscular ficam mais longes? Entenda de uma vez por todas que a aparência dos músculos está diretamente ligada a uma pequena camada de gordura abaixo da pele e isso torna a perda de peso em um ponto essencial para atingir a sua meta. Dito isto, os exercícios aeróbicos como nadar, pedalar, correr entre outros são excelentes meios para ajudar na definição ainda mais quando utilizado em forma de HIIT, isto é,  treinos intervalados de alta intensidade.

Não esqueça que existe uma enorme variedade de atividades aeróbicas que ajudam na definição muscular. Você é livre para escolher qual atividade que mais combina com seu gosto.

Foque em treinos menores
Muitos profissionais de educação física enfatizam que treinos longos, aqueles com muitas horas de duração, são capazes de resultar em lesões musculares e articulares. Vale mencionar que, no sentido químico, após uma hora de academia os níveis hormonais caem e o corpo entra em estado de fadiga. Esse estado gera muito catabolismo, uma condição completamente indesejada para quem quer ganhar definição muscular, uma vez que  para haver uma maior definição precisamos de um estado mais anabólico para propiciar ganhos na massa muscular, consequentemente melhora na aparência muscular.

Alie os treinos a uma alimentação saudável
Nunca deixe de comer bem. Uma alimentação correta é de extrema importância para o processo de hipertrofia dos músculos e para a perda de gordura. Realizar  refeições completas com proteínas, gorduras, carboidratos, vitaminas e sais minerais são ideais para manter o nível de energia adequado para o dia a dia e ainda favorecer o metabolismo do corpo. Mas não se esqueça: antes de iniciar qualquer dieta ou alterar os seus hábitos alimentares, converse com o seu nutricionista. Ele saberá te orientar da melhor maneira.

Durma bem
É justamente durante o sono que grande parte da reparação das células que foram destruídas durante o treinamento acontece. É nessa hora que corpo realiza a produção do hormônio de crescimento e faz a síntese proteica, etapas importantes para a definição muscular. Além dos fatores biológicos, uma boa noite de sono com certeza te deixará mais disposto para aproveitar o próximo dia de academia.

Não abuse da frequência de treinos
Se você é iniciante, treine de duas e três vezes por semana ou se for treinar todos os dias o volume de treino de cada dia precisa ser bem reduzido. Agora, se você já estiver no nível intermediário ou avançado, o seu número de treinos pode subir de quatro a seis vezes por semana ou se puder só treinar 2 ou 3 dias procure aumentar o volume de treino e intensidade em cada sessão. Procure sempre realizar uma avaliação e elaboração do treino com um profissional  de Educação Física qualificado. Esse procedimento é vital na hora de montar um treino que respeite os limites do seu corpo.

 

Fonte: ciaathletica

WhatsApp chat